Combinar cores: Tudo o que você precisa saber para criar materiais incríveis

Tempo de leitura: 8 minutos

Quem nunca ouviu falar ou até mesmo já criou um círculo cromático na escola? Pois bem, aquele círculo que coloca cores análogas lado a lado é muito importante para compreender como funcionam as cores e serve para diversas aplicações. Neste pequeno guia básico, a gente vai explorar todos os segredos desse circulozinho mágico e todas as possibilidades de aplicação que ele possui para combinar cores com maestria. Aqui, vamos explorar os tipos de cores, as possibilidades de combinações que elas oferecem e algumas ferramentas que vão te ajudar a combinar e usar cores no Trakto de forma simples e bonita. Preparado? Vamos começar! combinar cores

1. O Básico ou porquê as cores do seu computador não são iguais às que saem em seu material impressocombinar cores

Combinar cores: Cores primárias, secundárias e terciárias
Combinar cores: Cores primárias, secundárias e terciárias

– cores primárias, secundárias e terciárias

Na infância, todos nós aprendemos que as cores primárias (que não precisam ser criadas através de misturas) são azul (ciano), vermelho (magenta) e amarelo. Da mistura delas, geramos as cores secundárias e terciárias (imagem acima). E quando misturamos todas elas, obtemos a cor preta. Ou seja, é um sistema de cores subtrativo.combinar cores

Hoje sabemos que, apesar dessa teoria ser válida para a cor-pigmento (aquelas que são criadas com tintas), ela não serve para a cor-luz.

Mas o que seria a cor-luz?

A cor-luz é aquela que sai das telas de computador, televisão e outros dispositivos. A cores básicas, diferente da cor-pigmento, são vermelho, verde e azul e a soma delas resulta na cor branca. Ou seja, é um sistema de cores aditivo.combinar cores

Combinar cores: Aditiva e Subtrativa
Combinar cores: Aditiva e Subtrativa
Para que saber isso? combinar cores

O motivo de entender sobre estes sistemas de cores é simples, jovem padawan… Quando você utiliza cores para serem impressas, o sistema utilizado vai ser diferente do sistema usado pela tela de seu computador. Portanto, sempre vai haver uma diferença, por menor que seja, entre as cores de uma tela e as cores de seu monitor. É por isso que designers geralmente pedem um pré-teste de impressão (chamado prova de cores) para verificar se a cor física se assemelha àquela que ele pretendia na tela do computador.

E tem mais! Cada monitor é calibrado de uma maneira diferente, e apesar de alguns serem mais fiéis às cores impressas, a maior parte não é! Portanto é teoricamente impossível que uma marca mantenha uma escala de cor 100% igual em todas as suas aplicações.

Mas, calma! Muitos desses “desvios de cor” são praticamente imperceptíveis para boa parte das pessoas e, mesmo que não exista a precisão perfeita de cores, é possível, sim, manter uma similaridade que já serve ao propósito de seu branding.

2. Cores quentes e frias

Combinar cores: Cores quentes e cores frias
Combinar cores: Cores quentes e cores frias

Em nossa escala de cores, temos dois tipos de matizes: as quentes e frias.combinar cores

Cores quentes passam a ideia de calor e vitalidade. Elas ajudam a despertar o apetite, chamam atenção e dão a ideia de movimento e jovialidade. Portanto, se seu negócio tem relação com alimentação ou se dirige a um público jovem, talvez seja uma boa ideia utilizar tons quentes para reforçar esta ideia! As cores quentes são: amarelo, vermelho e laranja.combinar cores

Cores frias são mais “calmas”, trazem a ideia de tranquilidade e constância. Elas são ideais para negócios que trabalham com a ideia de estabilidade, que exigem concentração e relaxamento por parte dos clientes. Cursos, consultores financeiros e instituições que lidam com a saúde são bons exemplos de empresas que podem se beneficiar com o uso das cores frias. As cores frias são: Azul, Violeta e Verde.

Combinar cores: Cores quentes e cores frias
Combinar cores: Cores quentes e cores frias

Além desses dois tipos, temos as matizes neutras, que, como diz o nome, não transmitem uma ideia de “temperatura de cor”. Essas seriam o preto, o branco, os cinzas e o marrom. Eles podem ser usados para trazer um ar de sofisticação e equilíbrio. O preto, por exemplo, é muito usado para passar a ideia de exclusividade, ao passo que o branco é uma ótima cor para remeter pureza e neutralidade.combinar cores

Saiba mais sobre psicologia das cores neste post.

3. Combinações de cores combinar cores

Combinar cores

Agora que você já entende o básico sobre as cores, é hora de colocar a mão na massa e brincar com as possibilidades! Como todo mundo já sabe, a mágica das cores está nas possibilidades de combinações entre as diferentes matizes e tons! Aqui vamos explorar alguns esquemas que são amplamente utilizados na comunicação visual e que podem ser aplicados sem medo de erro!

Combinar cores: Monocromática– Monocromáticas

Não tem erro! Usando apenas as variações de tonalidade de uma cor, você cria uma combinação harmoniosa em seu material. Este tipo de uso de cor pode ajudar a reforçar o branding do seu negócio e gera uma sensação de coesão. Lembrando que a impressão final vai depender da cor utilizada: caso utilize tons de azul, a ideia vai ser de calma e frio, enquanto o vermelho vai remeter a movimento e calor.

 

Uma dica: Utilize o branco ou o preto para complementar os tons monocromáticos, sempre privilegiando a combinação que der melhor leitura.

Combinar cores: Análoga
– Análogas

Cores análogas são as vizinhas no círculo de cores. Esta é uma combinação harmoniosa e mais interessante que a monocromática. Porém, ela não cria uma ideia de vibrância tão grande, pela similaridade entre as cores. É uma solução que transmite uma sensação de calma. Tome cuidado para não misturar as cores quentes com as frias e não exagerar nas combinações – até 3 já é o ideal!

 

Combinar cores: Complementares– Complementares

Quem nunca ouviu dizer que opostos se atraem? Nas cores, funciona assim também! Cores em posições opostas no círculo cromático são chamadas de “cores complementares”. Esta combinação é dinâmica e passa uma ideia de contraste. Tome cuidado para não exagerar na vibrância! Opte por sobrepor cores com tonalidades diferentes para evitar que o resultado fique “doendo a vista”.

Combinar cores: Tríades
– Tríades

As tríades são cores que passam a ideia de contraste harmônico. São um pouco menos vibrantes que as complementares, mas ainda assim são interessantes e criam um efeito visual dinâmico.

 

 

Combinar cores: Quadrado 90º

– Quadrado 90º

O quadrado de 90º é uma combinação de duas cores com suas complementares. É uma mistura divertida que confere um ar de dinâmica e vivacidade, mas deve ser usada com cautela porque quanto mais cores você usa, mais complicado se torna harmonizar tudo!

 

4. Ferramentas para cores

Combinar cores: Ferramentas online
Combinar cores: Ferramentas online

4.1 Colorable (www. jxnblk.com/colorable)

Combinar cores: Colorable

Se você quer só combinar um fundo com uma cor de fonte, essa ferramenta muito simples já mostra o resultado para você ter uma previsão de como ficaria a aplicação em seu documento! Caso as cores escolhidas não dêem um contraste adequado para a leitura, o colorable exibe a mensagem “Faill”, já no caso da existência de contraste, ele pode variar de A (pouco) a AAA (contraste ótimo).

Veja um exemplo de como utilizar o Colorable com o Trakto:

Combinar cores: Copiando o hexadecimal e adicionando no Trakto
Combinar cores: Copiando o hexadecimal e adicionando no Trakto

4.2 Adobe Colors (www.color.adobe.com)

Combinar cores: Adobe Colors

A adobe colors é uma ferramenta gratuita que já apresenta alguns esquemas abordados neste artigo e é super prático para criar paletas de cores incríveis! Também é possível importar uma imagem para importar suas cores e salvar as paletas (para os cadastrados)

4.3 ColorZilla (www.colorzilla.com)

Combinar cores: Colorzilla

Com essa extensão do google Chrome você pode colocar um seletor de cores (color picker) e uma paleta seletora de cores bem parecida com aquela que tem no Word, Power Point etc. É só selecionar a cor, copiar o HEX e usar em seu documento!

4.5 Ferramenta de cores do Google (Color Tool)

combinar corCombinar cores: Color ToolPara quem não quer ter muito trabalho, o Google já tem um seletor de cores que aparece quando você pesquisa por “color tool” ou por uma cor em hexadecimal. Basta escolher a cor desejada e copiar o código.

Gostou das dicas?

Agora é só colocar a mão na massa utilizando a ajuda do Trakto para criar os seus materiais!

Clique aqui para começar